23 de nov de 2011

Crossed Out - 1990-1993

Essencial. Isso foi o que o Crossed Out foi e continua sendo, mesmo tendo se passado mais de 20 anos desde sua formação, a banda continua influente até hoje, principalmente em bandas como Iron Lung, low Threat Profile, Vacuum, etc. Formado em 1990, o grupo fez parte da "primeira onda" do powerviolence, sendo mais uma das bandas seminais do gênero, sua formação contava com Scot Golia na guitarra, Tad Miller na bateria, Rich Hart no baixo e Dallas Van Kempen no vocal, creio que nenhum dos integrantes tenham tocado em outras bandas (powerviolence) após o fim do grupo, em 1993.

Em sua curta carreira, a banda lançou apenas uma demo (lançada pela própria banda), um EP (pela Slap A Ham), dois splits (um com o Man Is The Bastard e outro com o Dropdead, o primeiro pela Slap A Ham e o segundo por 5 diferentes selos), partipou de uma coletânea e fez cerca de 16 shows, apenas, porém, o bastante para entrar para a história do powerviolence como uma das bandas mais respeitadas e influentes do gênero. O Crossed Out foi uma das atrações (juntamente com o Man Is The Bastard, Capitalist Casualties e o No Comment) do primeiro festival Fiesta Grande, que reuniu, em 7 edições anuais, as principais bandas do powerviolence. Em 1993, em seu último ano de existência, após a saída de Rich Hart da banda, Eric Wood (Pissed Happy Children, Neanderthal, Man Is The Bastard, Bastard Noise) se ofereceu para tocar baixo na banda, ficando então ate a dissolução da banda no final daquele mesmo ano.

Lançado pela Slap A Ham em 1999, O álbum que disponibilizo aqui, nada mais é que uma grande coletânea com todos os lançamentos da banda em sua existência, mais gravações de aparições em rádio, sons ao vivo e de ensaios e músicas não lançadas, ou seja, um prato cheio não só para os que já conhecem a banda, mas também para os que ainda não a conhecem, pois já poderão ouvir de uma só vez tudo que a banda produziu em seus 3 anos de existência, na época em que foi lançado, tanto o cd quanto o vinil vinham com um encarte de 20 páginas, em forma de fanzine, contendo flyers de shows e as letras das músicas, hoje tanto este álbum quanto os outros lançamentos da banda são considerados raríssimos e vendidos a preços absurdos em sites como o Ebay. Sobre o som da banda, não tem muito o que dizer, a banda mostrava um som extremamente rápido, na mesma pegada de outras bandas seminais como o Infest e o No Comment, principalmente esta última, porém o Crossed Out trazia um som um pouco mais "encorpado", lembrando às vezes, bandas mais pesadas como Neanderthal e o próprio Man Is The Bastard.

O álbum reúne 47 músicas que traduzem perfeitamente o que foi aquela época da ascenção da "West Coast Powerviolence", e claro, é um grande legado para os fãs do gênero!

Tracklist:

Internal
He-Man
Locked In
Fraud
Crown Of Thorns
Force Of Habit
Crutch
Supremacy
Ulcer
Neglect
Suffocate
Selfserve
Homegrown
Crown Of Thorns
Internal
Practiced Hatred
Pure Delusion
Society
Lowlife
Scapegoat
Vacuum
No Truth
Fraud
Letch
Never Forget
He-man
Suicide Of A Species
Selfish Achiever
Advice
Locked In
Fraud
Ulcer
He-man
Internal
Suffocate
Supremacy
Force Of Habit
Homegrown
Selfserve
Crown Of Thorns
Neglect
Jihad
Protestor (Negative Fx)(No Vox)
Pure Delusion
Lowlife
Nightstalker
Practiced Hatred

Download!

Nenhum comentário:

Postar um comentário